A Bruxa: terror premiado ganha novo pôster

Queridinho do Festival de Sundance de 2015, A Bruxa evoca puritanos e heresia Mais um terror na área! Pelo visto o gênero voltou aos holofotes e, dessa vez, parece...

Queridinho do Festival de Sundance de 2015,
A Bruxa evoca puritanos e heresia

Mais um terror na área! Pelo visto o gênero voltou aos holofotes e, dessa vez, parece ser promissor. Também, juntar peregrinos/puritanos über religiosos, floresta assustadora e bruxas é uma receita certeira. A Bruxa evoca todos os elementos acima descritos, de acordo com o trailer e com a sinopse e conquistou a crítica internacional como “um dos mais perturbadores filmes de terror da atualidade”.

a-bruxa-universal-studios-01

Inglaterra, 1630. Thomasin (Anya Taylor-Joy) narra a história de sua família, que se muda para uma nova casa isolada, cercada por uma floresta sinistra. O clima proposto pelo trailer é de arrepiar. Coisas estranhas começam a acontecer e tudo grita: bruxaria! Mas claro, tudo pode ser induzido pelo título do longa. Estratégia dos novos filmes de terror: nem tudo é o que parece ser e até mesmo aquilo dito como certo pode estar errado.

Dentre as desgraças que aparecem nos 2 minutos e 26 segundos de trailer: sumiço de bebê, cabra dando sangue e não leite, animais malévolos, plantação morta, uma criança meio possuída… E os dedos são apontados para Thomasin, como possível praticante de feitiçaria. É, sempre a adolescente bonita é a pecadora e adoradora de Satã… Esse é um dos clichês do gênero, espero que haja uma explicação plausível para o “bruxa, bruxa, você é uma bruxa!”

O longa chega 3 de março aos cinemas, com direção do estreante Robert Eggers e com o selo da brasileira RT Features como produção. A Bruxa tem muito potencial como terror, oremos para seu final não ser no estilo “A Vila”. Confira abaixo o trailer:

Até a próxima

 

Comente via Facebook!
Categorias
NotíciasSéries

Ver também