CCXP – Dia 01/04 – HBO desvenda o mundo criativo de GOT em painel especial

HBO marca presença na CCXP com um painel imersivo no universo criativo de Game of Thrones Todos estavam ansiosos pela vinda de Natalie Dormer, mas foram os outros dois...

HBO marca presença na CCXP com um painel imersivo
no universo criativo de Game of Thrones

Todos estavam ansiosos pela vinda de Natalie Dormer, mas foram os outros dois convidados da HBO que arrasaram no conteúdo. O primeiro a subir no palco foi William Simpson, só o responsável pelos storyboards e concept arts da aclamada série. Esbanjando simpatia, Simpson deu uma aula sobre a criação imagética das cenas, personagens e momentos icônicos da trama, tipo a morte de Jon Snow. Neste inesquecível episódio, inclusive, Simpson dividiu com a audiência que só soube da morte da personagem ao terminar de ler as 10 páginas de roteiro e que ficou em choque com o final trágico de Snow. O grande problema, a partir daí, era o de esconder o maior spoiler da penúltima temporada. Ao ser questionado sobre o sigilo de tal informação e o que deixou uma dica:

“É bem fácil! Você vai para um bar, enche a cabeça com drinks e esquece!” 

Como uma das cenas mais incríveis da sexta temporada, ele citou a Batalha dos Bastardos, onde o desafio de criação foi um dos mais marcantes de sua trajetória na série. Confira algumas fotos dos storyboards de Game Of Thrones:




Depois de Simpson, foi a vez de Sven Martin subir ao palco para dividir com a galera o processo de efeitos especiais da série. Animado por estar no Brasil pela primeira vez, Martin trouxe um vídeo incrível de “antes de depois” de algumas cenas externas de GOT. Descobrimos que diversas ambientações são CGI puro. De pedras, montanhas até castelos, o material pincela a magia por trás de Game Of Thrones e, por fim, surpreende com os detalhes de criação dos dragões.

Na segunda temporada, ainda bebês, eram necessários cerca de 50 pontos de animação para dar vida aos filhos de Daenerys Targarye. Conforme os animais cresceram, o trabalho de Martin ganhou peso e minuciosidades. As referências foram tiradas de anfíbios, pássaros, texturas e de testes de coloração em pele de frango depenado (sim, você leu isso mesmo). Tudo isso para criar, com cada vez mais realismo, os gigantes dragões. Na sexta temporada, cada escama fora criada individualmente, assim o resultado dos movimentos dos filhos da tormenta marcam, impressionam e levam os fãs à loucura. Agora são mais de 500 pontos de animação para que os fãs de GOT assistirem isso:

game-of-thrones-ccxp-efeitos-visuais-sven-martin-1

Confira algumas fotos do painel da HBO na CCXP 2016:




Natalie Dormer foi a última a entrar no painel. Elegante, simpática e muito concentrada em ter a melhor resposta para as perguntas da entrevistadora, a atriz respondeu perguntas (clichês) sobre interpretar uma personagem feminina forte, sobre diversidade e até sobre e eleição do Trump (momento onde todos os fãs claramente se incomodaram pela falta de foco). Mas ainda assim, Dormer era só alegria. A atriz comentou que gostou muito de ver seus fãs crescerem ao longo das temporadas de GOT e do amadurecimento de Margaery Tyrell entre 2011 e 2016.

Além disso, ela citou que a Aria é uma de suas personagens prediletas. Ao ser questionada sobre o que ela aguardar da próxima temporada e quem ela gostaria de ver sofrer, sua resposta foi curta e grossa: “Cersei!”, e nada falou sobre suas expectativas da próxima fase.

Em resposta ao seu momento favorito na série toda, sua outra resposta também foi curta, porém, engraçada: ” Look, the pie!” – referência ao episódio do Casamento Roxo onde o personagem Joffrey Baratheon morre envenenado.

Confira mais um pouco de Natalie Dormer na CCXP 2016 aqui na #FreakpopNaCCXP:

Acompanhe nossa cobertura que ainda teremos muita CCXP por aqui.

Küsses,

Comente via Facebook!
Tatá Snow

“Crítica” de cinema – prefiro ‘analista de entretenimento’, fanática por comédias românticas e viciada em Sex and The City. Ah…#TeamCap

Categorias
NotíciasSéries

Ver também