Do universo de Invocação do Mal, vem A Maldição da Chorona, um fraquíssimo filme de terror que não traz nada de novo e é extremamente entediante. Confira.

CRÍTICA | A Maldição da Chorona

OMG

A Maldição da Chorona não traz absolutamente nada de novo para o gênero de terror

Aqui na Freakpop tentamos ao máximo não ser agressivos em críticas. Sim, já fomos mais “opinados” e ocasionalmente surge um filme que merece ser analisado de forma mais negativa, mas em geral, tentamos fugir desses textos de críticos amargurados que tentam disfarçar suas limitações emocionais e intelectuais criticando tudo e usando a palavra “transcende”. Infelizmente, as vezes surgem filmes que erram tão feio que a gente precisa empinar o nariz e escrever um texto como se nunca tivéssemos conhecido o amor de um pai ou mãe.

A Maldição da Chorona

A Maldição da Chorona é mais um filme do universo Invocação do Mal. Desta vez, a “vilã” é uma fantasma do folclore mexicano. “La Llorona” é uma aparição demoníaca que em vida foi uma mulher que matou os próprios filhos e agora mata as crianças dos outros para substituir os filhos que matou.

Os filhos de Anna (Linda Cardellini) viram o alvo da Chorona, que pede ajuda para Rafael (Raymond Cruz), um ex-padre e curandeiro que sabe das artimanhas sobrenaturais para derrotar o monstro. Enfim, é isso…

Mas…

A Maldição da Chorona é terrivelmente esquecível. Do padre obrigatório que só serve para explicar ameaças sobrenaturais ao final completamente previsível, não existe nada minimamente inovador no filme. Aliás, mal existem coisas rolando neste filme. Entre a introdução da vilã e o conflito final, praticamente não acontece nada ao longo do filme. No meio do segundo ato, o longa ainda faz uma rápida conexão com o resto dos filmes da série Invocação do Mal para tentar fazer você prestar atenção, mas fracassa feio.

Existe uma preguiça que permeia todo filme. O roteiro não cria nenhum tipo de situação e os personagens ficam sentados esperando algo acontecer. A preguiça é tanta que, apesar do filme se passar em 1973, praticamente todos os personagens coadjuvantes têm cortes de cabelos modernos e até a perua da protagonista quando abre a porta faz barulho de carro moderno. Até o visual da vilã não assusta, parecendo mais uma fantasia de halloween barata do que uma aparição sobrenatural.

Vale a pena?

Se você é algum tipo de fanático/a pelo universo Invocação do Mal e precisa assistir todos os filmes da franquia, então vá em frente. Se você é fã de terror, provavelmente vai ficar decepcionado com a trama arrastada e pouco inovadora. Se você é uma pessoa com sentidos intactos, especialmente o visual e auditivo, você pode usa-los para assistir algo melhor do que esta perda de tempo.

A Maldição da Chorona estreia 18 de Abril de 2010 nos cinemas brasileiros.

Até a próxima!

Comente via Facebook!
Nota
3.5
Nota
O ruim
  • Linda Cardellini, você merece melhor que isso.
  • Direção
    4
  • Roteiro
    3
  • Elenco
    3
  • Enredo
    4
Categorias
CriticasFilmes

Ver também