Deixe a Neve Cair Netflix

CRÍTICA | Deixe a Neve Cair – Veja e aprenda ‘Resgate do Coração’

Let it snow, let it snow, let it snow...

Para alguns, o natal tem um significado religioso, para outros, é uma data para se reunir com aqueles que amamos, sejam eles unidos pelo sangue ou pela amizade. É justamente sobre isso que é Deixe a Neve Cair.

Lançado pela Netflix,Deixe a Neve Cair, dirigido por Luke Snellin, é uma adaptação o livro de mesmo nome (fazendo referência a canção “Let it Snow” de Vaughn Monroe), escrito a seis mãos pelos autores John Green, Maurren Johnson e Lauren Myracle. Cada um ficou responsável por um conto que se interligam ao longo de suas páginas.

Apesar de algumas mudanças drásticas, o longa manteve as três histórias de amor entre adolescentes: um menino secretamente apaixonado pela melhor amiga; um relacionamento inesperado que surge por causa de uma nevasca; a frustração de um amor não correspondido; e de presente, uma quarta narrativa é apresentada, sobre uma relação que precisa enfrentar o preconceito. E tudo isso acontece na véspera de natal na pequena e congelante cidade de Laurel, Illinois!

O elenco é praticamente uma reciclagem de outras produções originais da plataforma, com Kiernan Shipka (As Aventuras Sombrias de Sabrina), Liv Hewson (Santa Clarita Diet) e Odeya Rush (Dumplin’). Além deles, o grupo é completo por Isabela Merced (De Repente Uma Família), Shameik Moore (voz de Miles em Homem-Aranha no Aranhaverso), Jacob Batalon (franquia Homem-Aranha), Mitchell Hope (trilogia Descendentes) e as veteranas D’Arcy Carden (The Good Place) e Joan Cusack (Shameless).

Mesmo com as premissas básicas de qualquer comédia romântica (apesar do filme ser mais romântico, do que de humor), a obra deveria ensinar para Regaste do Coração o que é um filme de natal. As festividades de fim de ano são um elemento fundamental na narrativa. Funcionaria sem ela? Sim, mas tudo ficaria meio que “aleatório”.

O espectador também é conquistado pela trilha sonora que mescla canções natalinas no gênero pop e R&B, músicas indies e clássicos de The Rolling Stones e The Clash. É certeza que houve algumas procuras no Spotify por “The Whole of the Moon” (The Waterboys) e “First Christmas [That I Loved You]”, cantada pelo próprio Shameik Moore…

Em contrapartida, por ter tantos personagens e arcos narrativos para desenvolver e dar um desfecho, alguns pontos acabaram ficando pra traz no roteiro, como a mulher vestida de alumínio, interpretada por Cusack, por exemplo.

Deixe a Neve Cair não é o próximo A Barraca do Beijo nem Para Todos os Garotos de Já Amei, mas é fofo e traz aquele aconchego bom pra ser assistido num fim de semana de baixo da coberta, acompanhado por um brigadeiro de colher.

Comente via Facebook!
Nota:
6.8
Nota:
O bom
  • Histórias fofas (!)
  • Atores cativantes
  • O natal não foi colocado na premissa de forma aletatória
  • Trilha sonora legal
O ruim
  • Muitos personagens para pouco tempo de filme
  • Roteiro previsível
  • Direção
    6.5
  • Roteiro
    6.5
  • Elenco
    7
  • Produção/fotografia
    7
Categorias
CriticasFilmes

Ver também

  • Filmes e séries de natal 2019 netflix

    Os panetones estão chegando nos mercados, as decorações natalinas estão sendo colocadas nos shoppings e a Netflix não queria ficar pra trás e divulgou quais serão os lançamentos de...
  • Emmy 2019 | Confira os indicados nas principais categorias

    Emmy 2019 | Lista completa dos Indicados

    Hoje foi dia de divulgação dos indicados ao Emmy Awards, o Oscar da TV americana, que premia as melhores atuações, séries e programas dos EUA. As aguardadas indicações foram...
  • Dumplin', a nova comédia com Danielle Macdonald e Jennifer Aniston é uma diversão bobinha e descartável. Confira nossa crítica do filme da Netflix.

    CRÍTICA | Dumplin’ | Filme é carismático, mas não inova

    Comédia estrelada por Jennifer Aniston e Danielle Macdonald acerta no engajamento, mas parece ser mais do mesmo A Netflix tem adorado “reciclar” alguns atores das suas produções originais. Primeiro...
  • CRÍTICA | Homem-Aranha: No Aranhaverso

    CRÍTICA | Homem-Aranha: No Aranhaverso

    Homem-Aranha: No Aranhaverso deveria servir de exemplo para todas as adaptações de super-herói no cinema Todas as propriedades intelectuais associadas ao Homem-Aranha ainda estão sob controle da Sony Pictures....