CRÍTICA | Monster Trucks – Desvendando a fórmula por trás da Sessão da Tarde

Monster Trucks é a culminação perfeita de um filme “Sessão da Tarde” Antes de falar sobre Monster Trucks, vamos entender algumas coisas. O que define um filme Sessão da...

Monster Trucks é a culminação perfeita
de um filme “Sessão da Tarde”

monster trucksAntes de falar sobre Monster Trucks, vamos entender algumas coisas. O que define um filme Sessão da Tarde? Segundo o Instituto Acabei de Inventar™, esta categoria é constituída por:

  • Um/a jovem lidando com a separação da família e um novo casamento.
  • O protagonista precisa sofrer bullying por ser mais pobre.
  • Uma intervenção mágica/científica que mudará a vida do protagonista.
  • Uma lição a ser aprendida sobre um tema relevante ao momento.
  • Uma despedida cheia de lágrimas.

E neste quesito, Monster Trucks conquista um 100% no quesito.

Caminhonetes Monstruosas

Em Monster Trucks, conhecemos Tripp Coley (Lucas Till), um típico aluno de colegial que sofre bullying dos alunos mais ricos (ding!) e sonha em sair de sua pequena cidade após o divórcio dos pais (ding!). Ele passa seu tempo livre trabalhando em uma caminhonete até se deparar com Creech, um simpático monstro (ding!) comedor de petróleo que consegue movimentar o veículo quando seus tentáculos encostam nos eixos das rodas. Creech está sendo caçado por uma empresa de petróleo que pretende escavar seu habitat natural e Tripp, junto com seus amigos precisa salva-lo enquanto aprendem uma importante lição sobre o meio ambiente (ding! ding! ding!).

Monster Trucks é o tipo de filme que vai empolgar a criançada. Com seus potentes carros fazendo manobras radicais, monstrinhos simpáticos e uma mensagem bacana, é exatamente a história que traria incontáveis (e repetidas) tardes de alegria pós-almoço para as gerações mais velhas. Talvez a repercussão não seja tão positiva porque as pessoas perderam o contato com seu lado mais infantil, e hoje confundem inteligência com cinismo.

Vale a pena? Monster Trucks não é exatamente um filme adulto, mas é aquela diversão que vai deixar a criançada com um sorriso de orelha e orelha. Leve seus filhos, sobrinhos, enteados e afins sem medo de ser feliz.

Até a próxima!

Comente via Facebook!

Editor-chefe da Freakpop. Adora cinema, mas odeia a palavra cinéfilo. Leu quadrinhos demais na vida e tem uma capacidade muito limitada de entender a realidade. Tudo que não explica com Máquina Mortífera, explica com Highlander. Sabe tudo sobre Soul Reaver e Crônicas de Gelo e Fogo. Seu signo é estegossauro.

Categorias
Criticas

Ver também