[CRÍTICA] The Flash – T02E07 – “Gorilla Warfare”

Grodd retorna em The Flash! Entre o episódio do Capitão Frio, a saída de Henry Allen da prisão, o filho misterioso de Joe West, e o Harrison Wells da...

Grodd retorna em The Flash!

Entre o episódio do Capitão Frio, a saída de Henry Allen da prisão, o filho misterioso de Joe West, e o Harrison Wells da Terra-2 tentando resgatar sua filha, figuras paternas é o que não faltam na segunda temporada de The Flash. Barry continua debilitado em uma cadeira de rodas após seu confronto com Zoom, e mesmo completamente curado de seus ferimentos, não consegue mais acessar a força da velocidade. O herói até poderia dar uma respirada e tentar se recuperar mais devagar, mas ainda é Central City e não seria uma semana a mais se não existisse mais alguma ameaça meta-humana. O vilão? Gorila Grodd.

Claro que com Barry no banco de reserva esta semana, o time Flash precisa de uma nova estratégia. Por sorte, a temporada está super inspirada em figuras paternas e eles tem um Harrison Wells sobrando. Na primeira temporada, descobrimos que Grodd via em Wells uma espécie de pai, “Harry” precisa aprender a se comportar como o seu clone da Terra-1 para salvar Caitlin, que foi sequestrada pelo gorilão. Enquanto Wells tenta convencer Grodd que ele é, de fato, o Flash Reverso que sobreviveu ao seu confronto com o Flash, Henry Allen volta para o STAR Labs para ajudar seu filho a superar o trauma da derrota.

Um episódio bastante comovente, que explora um dos maiores elementos de construção de personalidade de heróis nos quadrinhos, o elemento da figura paterna na identidade do herói. Afinal, muitos optam por usar seus poderes em prol do bem devido a uma perda trágica, algumas frases inspiradoras ou para assumir o manto de seu antecessor. O episódio encerra com mais uma empolgante cena de ação com a qualidade que já viemos a esperar da série e um dos easter eggs mais fantásticos do universo de The Flash.

Ah, e sim, temos mais um gancho para Legends of Tomorrow quando Cisco consegue um interesse amoroso em Kendra Saunders, a futura Mulher Gavião.

Até a próxima!

Comente via Facebook!

Editor-chefe da Freakpop. Adora cinema, mas odeia a palavra cinéfilo. Leu quadrinhos demais na vida e tem uma capacidade muito limitada de entender a realidade. Tudo que não explica com Máquina Mortífera, explica com Highlander. Sabe tudo sobre Soul Reaver e Crônicas de Gelo e Fogo. Seu signo é estegossauro.

Categorias
Críticas

Ver também