Duro de Matar – Um Novo Dia Para Morrer

Ugh… vida de blogueiro é um saco… Bom, vamos lá… No quinto filme da série Duro de Matar, John McClane vai a Rússia para ajudar seu, até então inexistente...

Ugh… vida de blogueiro é um saco… Bom, vamos lá…

No quinto filme da série Duro de Matar, John McClane vai a Rússia para ajudar seu, até então inexistente na série, filho que aparentemente se tornou um garoto problema. Chegando em Moscow, McClane descobre que Jack (o filho que de novo, nunca foi mencionado até hoje na série) é na verdade um agente da CIA encarregado de resgatar um prisioneiro russo. Muitas perseguições, acidentes carro (que se você entrar no YouTube vai ver que é razoavelmente comum na Russia) e explosões, a dupla de pai e filho vai parar em Chernobyl para matar o vilão e John McClane prova mais uma vez que tem mais super poderes do que um time de rugby de Wolverines.

Desde Duro de Matar 4.0, também conhecido como “Computadores São Mágicos – O Filme”, o icônico personagem de John McClane perdeu os elementos que o tornaram tão cativante. Um policial sarcástico, alcoólatra e fumante que teve o azar de estar no lugar errado na hora errada algumas vezes na vida, se tornou algum tipo de robô indestrutível. Foi-se os tempos de sobreviver a qualquer custo do Nakatomi Plaza e se arrastar ensanguentado com uma pistola colada nas costas com silver tape. Agora, Bruce Willis aniquila dúzias de capangas sem ao menos ficar cansado, tem uma resistência inexorável e parece ser completamente imune a ferimentos.

Vale a pena? Apesar deste filme ser melhor que o mencionado acima, o charme da série Duro de Matar não se encontra mais. O apelo do personagem sempre foi seu realismo, John McClane é divorciado, depressivo, não é um cara saudável e precisa de toda sua esperteza e até sorte para sobreviver as situações que ele se encontra. Duro de Matar – Um Bom Dia Para Morrer é simplesmente um filme de ação genérico com mais um protagonista invencível e mortal como Busca Implacável ou Identidade Bourne.

E sério, de onde apareceu esse filho? Quatro filmes na série e em nenhum momento McClane menciona a existência do rapaz. E caralho, um agente fodão da CIA não poderia ter feito nada contra o cara que consegue destruir os EUA com um laptop?

Ugh, sério Bruce Willis, vai achar outra coisa pra fazer…

Até… a… próxima…

Comente via Facebook!

Editor-chefe da Freakpop. Adora cinema, mas odeia a palavra cinéfilo. Leu quadrinhos demais na vida e tem uma capacidade muito limitada de entender a realidade. Tudo que não explica com Máquina Mortífera, explica com Highlander. Sabe tudo sobre Soul Reaver e Crônicas de Gelo e Fogo. Seu signo é estegossauro.

Categories
Criticas

RELATED BY