ENTREVISTA | Shyrley Rodriguez conta tudo sobre Círculo de Fogo: A Revolta

Círculo de Fogo: A Revolta já está disponível nas lojas em DVD e Blu-ray!

EXCLUSIVO | A Cadete dos Robôs-Gigantes: Entrevista com Shyrley Rodriguez

Não existem papeis pequenos no teatro, na televisão e, principalmente, no cinema. O fato de você, como ator, conseguir superar barreiras impostas para a escolha para um determinado personagem, já é um fato positivo em sua carreira. É o caso da nova Shirley Rodriguez, que foi escolhida para ser uma das cadetes treinadas para enfrentar monstros gigantes o segundo filme da franquia, Circulo de Fogo: A Revolta, que acabou de chegar em DVD e Blu-ray pela Universal.

A Freakpop conversou com a atriz de 25 anos de idade,  que acabara de sair da série cancelada da Netflix, The Get Down, para trabalhar em seu primeiro filme no cinema, Circulo de Fogo – A Revolta:

Paulo Gustavo Pereira: Quer dizer que você terminou de fazer The Get Down e entrou de cabeça nas filmagens de Circulo de Fogo – A Revolta?

Shyrley Rodriguez: Isso mesmo. Foi muito rápido e eu sabia que não poderia deixar essa oportunidade passar.

PG: Deve ter sido muito diferente pra você sair da uma série de TV e ir direto para uma superprodução no cinema…

SR: Sim, Meu Deus, foi muito legal. Fazer The Get Down foi um desafio pra mim. Eu comecei minha carreira como modelo, e quando passei no teste para o seriado, foi um total deslumbramento. Os cenários de The Get Down eram enormes, cópias quase perfeitas de vários locais em Nova York. Quando cheguei no estúdio de  Circulo de Fogo, fiquei surpresa por que também eram cenários gigantescos. Mas foi tudo muito legal. Me diverti bastante…

PG: Foi seu primeiro filme no cinema? Como você se sentiu?

SR: Sim…Eu me senti como seu meus sonhos estivessem realizados (risos). Você fica pensando em sua vida, de como as coisas começaram e os passos que você tem que dar em sua carreira no futuro. Como todo ator, você acaba se pressionando para sempre melhorar. É por isso que me sentia e ainda me sinto muito legal.

PG: Quanto tempo durou seu trabalho nesse filme?

SR: Três meses. Dois meses filmando na Austrália, em várias locações e dentro do estúdio da FOX, e um mês na China…

PG: Na China?

SR: Sim e foi fantástico. Além de várias externas, trabalhamos no grande estúdio em Qingdao (pronuncia=se Xindao). E foi uma loucura para mim por que nunca estive num lugar como aquele em comparação de Porto Rico, onde nasci…

PG: E a China tem uma das maiores industrias de cinema do mundo…

SR: Com certeza. Além de ter muito dinheiro para fazer suas produções locais, as produtoras chinesas tem financiado muita produção americana também. Sem contar que eles tem milhares de cinema para exibir não só os filmes chineses e asiáticos em geral, mas também os ocidentais.

PG: O curioso nesse Circulo de Fogo é que temos pela primeira vez o encontro de criaturas gigantescas com Guerra nas Estrelas… como foi trabalhar com John Boyega?

SR: (risos) Foi maravilhoso. Ele é super-legal, humilde, com os dois pés no chão, e uma pessoa muito socializável. Ela saca que é um modelo de pessoa pra muita gente. Ele conversa, discute, mostra sua experiência no trabalho sem ser pedante. A gente se deu muito bem por que ele tem o mesmo tipo de senso de humor que eu gosto. Ele gostava de estar com os cadetes. Nos divertimos muito como se fossemos uma família unida.

PG: E claro, você perguntou pra ele sobre o próximo filme de Star Wars…

SR: (Risos) Até que tentei mas ele não disse nada.

PG: E como foi fazer a cadete Renata no filme?

SR: Bom, ela é descendente de hispânicos como eu, e começou seu treinamento para pilotar a nova geração de Yaggers ainda adolescente. Ela mergulhou de cabeça no treinamento para ser a melhor, não importando o desafio. Se ela tem que bater de frente com um de seus colegas, ela faz isso por que não quer demonstrar qualquer fragilidade.

PG: Quer dizer que você treinou bastante para fazer a parte física da personagem…

SR: Treinamos antes de começar as filmagens na Australia e continuamos treinando na China. Tivemos aulas de musculação, aeróbica e principalmente artes marciais. E como eu gosto de tudo isso, foi muito divertido pra mim.

PG: E depois de tudo o que você passou, o que você sentiu quando viu o filme pela primeira vez?

SR: Eu me transformei numa garotinha de 6 anos que não acreditava o que estava vendo na minha frente. Fique muito emocionada e torcendo para que esse filme fosse tão bom quanto o primeiro. Achei que ele funcionou do começo ao fim, com os efeitos visuais muito bem construídos para as cenas de ação dos monstros contra os robôs gigantes.

PG: Você se lembra quando viu seu primeiro filme de monstros gigantes?

SR: Foi o Circulo de Fogo – A Revolta (risos). E não vejo a hora de voltar para o terceiro filme para continuar detonando os caijuns (risos)


Agradecemos a Universal Pictures Home Entertainment pela entrevista e lembramos a todos os leitores que o longa já está disponível em todas as lojas do Brasil. Não deixem de garantir a sua edição de Círculo de Fogo: A Revolta. Abaixo os detalhes das versões em DVD e Blu-ray!

DVD Colorido

Duração: 110 minutos
Formato de Tela: Widescreen 2.40:1 Anamórfico
Áudio: INGLÊS (DD 5.1), ESPANHOL (DD 5.1), PORTUGUÊS (DD 5.1)
Legenda: INGLÊS (SDH), ESPANHOL, PORTUGUÊS
Classificação Indicativa: 12 anos
Data de lançamento: 11 de Julho de 2018
Preço Sugerido: R$ 39,90
Bônus: Comentário do Filme com o Diretor Steven DeKnight; Cenas Excluídas; Hall de Heróis; Ponte para “Círculo de Fogo: A Revolta”; O Submundo de “Círculo de Fogo: A Revolta”; Tornando-se Cadete; Vilão Inesperado; Nova Geração de Jeagers; Sou Scrapper; Virando Mega; Segredos de Shao; O Retorno de Mako

Blu-ray Simples

Duração: 110 minutos
Formato de Tela: Widescreen 2.40:1
Áudio: INGLÊS (DOLBY ATMOS), ESPANHOL (DOLBY DIGITAL PLUS 7.1), PORTUGUÊS (DOLBY DIGITAL PLUS 7.1)
Legenda: INGLÊS (SDH), ESPANHOL, PORTUGUÊS
Classificação Indicativa: 12 anos
Data de lançamento: 11 de Julho de 2018
Preço Sugerido: R$ 69,90
Bônus: Comentário do Filme com o Diretor Steven DeKnight; Cenas Excluídas; Hall de Heróis; Ponte para “Círculo de Fogo: A Revolta”; O Submundo de “Círculo de Fogo: A Revolta”; Tornando-se Cadete; Vilão Inesperado; Nova Geração de Jeagers; Sou Scrapper; Virando Mega; Segredos de Shao; O Retorno de Mako

Comente via Facebook!

Autor de dois livros, um sobre Série e outro sobre Desenhos Animados, Paulo Gustavo Pereira é jornalista há 34 anos, tem uma vasta experiência em reportagens, é editor-chefe do site BesTV e fã de carteirinha de Jornada nas Estrelas. Aqui na Freakpop, Gus – para os mais íntimos – dará muitas dicas bacanas sobre séries.

Categorias
EntrevistasFilmes

Ver também