Com o Canneseries, o festival de séries de TV, o futuro é de ouro para plataformas on demand e streaming. Confira aqui a análise da BesTV sobre o tema.

Está chegando a Era de Ouro das Séries de TV

Responsável pelo primeiro festival mundial de séries de TV acredita que o futuro é muito mais do que promissor para essa área do entretenimento. A cidade de Cannes, que...

Responsável pelo primeiro festival mundial de séries de TV acredita que o futuro é muito mais do que promissor para essa área do entretenimento.

A cidade de Cannes, que fica no sul da França, sempre é lembrada pelo maior e mais importante festival de cinema do mundo. Mas a cidade é palco todos os anos de vários eventos relacionados com cinema e televisão, como o MIPTV e MIPCOM, onde estúdios e produtores apresentam aos mercados internacionais seus projetos de cinema e TV; tem também o Festival de Filme Publiciário, onde o Brasil já faturou dezenas de prêmios. E no ano passado, o prefeito da cidade, David Lisnard, decidiu criar um outro evento dedicado às séries de TV, o Canneseries.

Foi o responsável pelo evento, Benoit Louvet, que fez essa ousada declaração na abertura da segunda edição do Canneseries, ou melhor, a segunda temporada do Festival Internacional de Séries. Segundo ele, a Era de Ouro da televisão está chegando graças a qualidade e criatividade das produções para a TV que estão sendo feitas hoje.

Para ele, que já trabalhou na TF1, televisão estatal francesa, buscar financiamento para boas idéias deixou de ser um desafio pra produtores atualmente. Especialmente por que a data marcada para acontecer a Canneseries coincide com a realização da MipTV, um dos maiores eventos de produção para a TV e que atrai produtores, estúdios americanos, canais europeus etc.

Com isso, cria-se a oportunidade de colocar na mesma sala, criadores, produtores e exibidores. Num levantamento feito pela BesTV, estão no ar hoje no mercado americano cerca de 500 séries, sendo que metade disso estão disponíveis no Brasil. O motivo básico é o crescimento dos canais streaming como Netflix, Amazon e Apple, e a utilização dos serviços on demand das TVs por assinaturas para atrair cada vez mais seu publico com novidades.

É o que acontece, por exemplo, com o canal Mais Globosat, disponível nas operações da NET, Claro, Vivo e Oi, entre outros. Nos últimos anos, a emissora tem usado seu serviço on demand Mais Globosat Play para incentivar seu publico a conhecer séries antigas e que agora, estão totalmente disponíveis no serviço, como a elogiada produção sueco-dinamarquesa, The Bridge.

A questão hoje não é mais buscar financiamento para produzir uma série. Canais streaming como Netflix, Apple e Amazon estão investindo bilhões de dólares em novos conteúdos, tanto para atrair novos assinantes mas principalmente, para manter o interesse constante pelo serviço por parte der seus assinantes. Não adianta claro, ter muita grana e não conseguir boas idéias para novos conteúdos.

Além disso, os serviços estão constantemente procurando conteúdos antigos para alimentar seus acervos de produções relevantes. Mas sempre fica a dúvida se o assinante está procurando por novidades ou por séries que não conseguiu ver no passado e agora estão disponíveis? Ninguém sabe o que vai acontecer com a Amazon, a Netflix e mesmo a Apple, quando os novos serviços streaming da Disney (Disney+) e da Warner (Warner Media).

Se os conteúdos originais da Disney e da Warner serão retirados do mercado e disponibilizados apenas para seus próprios canais. Antes mesmo que isso seja um complicador para os canais streaming internacionais, Netflix, Amazon e Apple já estão desenvolvendo projetos de novos conteúdos originais para o futuro. E um evento como o Canneseries é perfeito para prospecção desse mercado.

O fato é que Benoit Louvet está mais do que certo. Estamos vendo o crescimento das séries de TV, tanto com dramas ou comédias, ficar maior a cada dia. É claro que somente os conteúdos mais interessantes e criativos conseguirão sobreviver ao consumo que também vem aumentando. E tudo isso sem sabermos ao certo como será o final da temporada.

Comente via Facebook!
Categorias
BESTV

Ver também