Aquisição da Fox pela Disney. Fusão Disney-Fox

Após aprovação de acionistas, Disney finaliza aquisição da Fox

Após aprovação de acionistas, a Disney finaliza aquisição da 20th Century Fox A história começou em Novembro do ano passado quando a Disney começou um processo para adquirir diversas...

Após aprovação de acionistas, a Disney finaliza aquisição da 20th Century Fox

A história começou em Novembro do ano passado quando a Disney começou um processo para adquirir diversas propriedades da Fox. Hoje, a aquisição da Fox pela The Walt Disney Company é oficial, após aprovação do corpo acionário da empresa.

Originalmente, a Disney havia feito uma proposta na casa dos 50 bilhões de dólares. A Comcast, o conglomerado de mídia que inclui a Universal Studios, fez uma contra-proposta, colocando o futuro da fusão em jogo. A casa do camundongo fez uma nova proposta, desta vez de 71 bilhões de dólares. Neste caso, a Comcast deixou de lado sua proposta, efetivamente deixando a fusão à mercê da aprovação dos acionistas da companhia. Com uma aprovação de 99% dos acionistas, a última etapa seria a aprovação fiscal e regulamentar da fusão, algo que, segundo a MSNBC, tem aprovação desde Junho, se a Disney arcar com certas condições.

Como ficam as coisas após a aquisição da Fox

Segundo uma carta aos acionistas, é isto que podemos esperar do futuro das companhias.

Primeiramente, uma parte da 21st Century Fox será rebatizado de New Fox. Esta parte não irá para a Disney e será composta da pasta de emissoras de esportes, notícias e serviços de transmissão. Esta nova companhia e a 21st Century Fox entrarão em um acordo de separação com uma reestruturação organizacional para garantir que a separação seja feita de forma eficiente.

Todos os bens não atribuídos à New Fox serão transferidos e fundidos à Disney. Isto inclui todo o catálogo de filmes, séries, documentários, e toda infraestrutura de produção da empresa.

O que vai para a Disney

Com a aquisição da Fox, a Disney terá completado a aquisição de Star Wars. Apesar da Lucasfilms já pertencer à empresa, os direitos de distribuição em home video de Star Wars Episódio IV: Uma Nova Esperança ainda estão sob controle da Fox. Além disso, as propriedades de Quarteto Fantástico e X-Men voltarão para o controle da Marvel Studios e estes heróis poderão fazer parte oficialmente do Universo Cinematográfico Marvel. Especula-se que o “silêncio” recente sobre projetos após Vingadores 4 e Capitã Marvel sejam em virtude da espera da finalização do acordo.

Entre outras franquias, a Disney agora será a detentora das séries de filmes Planeta dos Macacos, Predador, Aliens, Avatar, Duro de Matar, Kingsman, Alvins e os Esquilos, Esqueceram de Mim, Era do Gelo, Uma Noite no Museu, Percy Jackson, Maze Runner, Independence Day, e Clube da Luta. Além dos filmes, um grande número de séries de televisão produzidos pela Fox entrarão para o catálogo de propriedades da Disney, entre elas, Os Simpsons, Arquivo X, Family Guy, Sons of Anarchy, Atlanta, Archer, Legion e The Gifted.

Streaming

Ano passado, a Walt Disney Company havia anunciado que estaria desenvolvendo seu próprio serviço de streaming. O lançamento da plataforma coincidiria com o fim do contrato de distribuição que a produtora tem com a Netflix. Consequentemente, a nova plataforma terá um catálogo gigantesco de séries e filmes novos e clássicos de ambos os estúdios. Quanto as séries da Marvel exclusivas da Netflix como Demolidor e Luke Cage, ainda não temos informações concretas sobre seu futuro.

Vale ressaltar também, que parte da aquisição contemplam incrementar as capacidades de produção de ambos os estúdios. A divisão de produção televisiva da Fox tem uma infraestrutura consideravelmente maior que a Disney. Em compensação, a casa do Mickey tem uma divisão de produção cinematográfica bem maior que  Fox.

E agora?

Com a aquisição da Fox, a Walt Disney Company se tornará uma das maiores produtoras e distribuidoras de conteúdo do mercado de entretenimento. Recentemente, a empresa tem parecido ser infalível com sucessos sólidos e constantes da Pixar, Marvel e Star Wars, mas tamanho poder vem com responsabilidades. Alguns analistas financeiros pedem cautela ao acompanhar as novidades da empresa, visto que muito provavelmente, com o tamanho gigantesco de propriedades e alta demanda, dificilmente a Disney precisará trabalhar com preços justos na oferta de seus serviços, como a nova plataforma de streaming que sai ano que vem.

Espera-se que a fusão Disney-Fox finalize por volta de Junho do ano que vem. O processo é demorado para mitigar qualquer risco de demissões em massa ou redundância operacional.

Até a próxima!

Comente via Facebook!

Editor-chefe da Freakpop. Adora cinema, mas odeia a palavra cinéfilo. Leu quadrinhos demais na vida e tem uma capacidade muito limitada de entender a realidade. Tudo que não explica com Máquina Mortífera, explica com Highlander. Sabe tudo sobre Soul Reaver e Crônicas de Gelo e Fogo. Seu signo é estegossauro.

Categorias
FilmesNotíciasNotíciasSéries

Ver também