Game Of Thrones – Os efeitos especiais da série

Há momentos na vida que descobrimos certas verdades que mudam nossa vida: Papai Noel não existe, são os seus pais que escondem os ovos de páscoa e não um coelho,...

Há momentos na vida que descobrimos certas verdades que mudam nossa vida: Papai Noel não existe, são os seus pais que escondem os ovos de páscoa e não um coelho, aquelas cintas que dão choque na sua barriga que são vendidas na TV não irão te deixar com um corpo definido e a produção da HBO e Game of Thrones não construíram uma muralha de gelo de 300 metros (uau…pasme!)

Calma, antes de você comece a chorar de desilusão, podemos explicar. Nem tudo que você vê na série é CGI (Computer Generated Image…ou computação gráfica para os íntimos), diferente de produções como 300 ou Sin City, onde tudo, exceto os atores, são feitos na base do CGI, em Game of Thrones existe uma variedade de cenários. Sala do Trono, Castelo Negro e outras ambientações possuem instalações próprias para realizar as gravações. Mas muitos lugares são gerados pelos computadores. Geralmente são cenas grandiosas ou que possuem um volume grandioso de pessoas, como por exemplo os pouco mais de 8 mil Imaculados de Daenerys. 

Confira algumas imagens que mostram o antes e o depois do uso dos computadores para gerar diferentes cenas da série:

Estrada para Meereen

Antes:

Depois:

Bravos

Antes:

Depois:

Porto Real

Antes:

Depois:

Porto Real

Antes:

Depois

Norte e o exército Stark

Antes:

Depois:

Mar Estreito

Antes:

Depois:

Confira o vídeo completo feito pela empresa que produz os efeitos especiais da série, revelando seu trabalho que passa despercebido para quem não conhece os cenários onde são gravados a série:

Até a próxima!

Comente via Facebook!
Tatá Snow

“Crítica” de cinema – prefiro ‘analista de entretenimento’, fanática por comédias românticas e viciada em Sex and The City. Ah…#TeamCap

Categorias
Notícias

Ver também