Game of Thrones – 4ª Temporada – 4º Episódio – Oathkeeper

A nova temporada de Game of Thrones têm apresentado significativas diferenças do livro. Em muitos casos, esta temporada manteve um excelente ritmo e apresentou em uma velocidade muito boa...

A nova temporada de Game of Thrones têm apresentado significativas diferenças do livro. Em muitos casos, esta temporada manteve um excelente ritmo e apresentou em uma velocidade muito boa diversos acontecimentos que no livro levariam muito tempo para chegar, de certa forma, a série Game of Thrones finalmente encontrou uma forma eficiente de contar a gigantesca saga de George R.R. Martin.

game_of_thrones_episodio_4_oathkeeper_5

Áreas problemáticas de temporadas anteriores, como as longas cenas em bordéis ou personagens que passavam horas caminhando nos jardins de Porto Real usando suas vozes de “estamos tramando e/ou fofocando”, foram eliminadas e a narrativa ganhou um dinamismo inesperado. Infelizmente, após três episódios nesta nova receita, a série apresenta um episódio que peca um pouco na narrativa.

Como muito da história ainda lida com as consequências da morte de Joffrey, o forte da trama ainda se passa em Porto Real, desta vez, sob o ponto de vista de Jaime que, após uma maratona de eventos traumáticos, decide se redimir e restaurar o pouco que sobrou de sua honra. Seu treinamento para reaprender a usar a espada com Bronn ajuda ele a entender melhor seu irmão Tyrion e isso o motiva a tomar certas atitudes para garantir a segurança do mesmo ao planejar ações que podem, futuramente, o colocar em conflito com sua irmã Cersei. Cada dia, o relacionamento entre os dois fica mais frio e Jaime decide focar em empreitadas mais heroicas.

game_of_thrones_episodio_4_oathkeeper_3

O episódio desta semana recebe o nome Oathkeeper, nome dado a espada que Brienne recebe de Jaime que foi forjada do aço Valiriano da espada de Ned Stark. Jaime não se sente digno de porta-la, portanto entrega a Brienne com a missão de resgatar Sansa antes que as forças de Cersei matem a pobre inocente garota. Ao contrário do livro, aqui Bronn tem uma presença muito maior nas ações furtivas de Jaime para, não só salvar seu irmão Tyrion da prisão, como proteger os inimigos imaginários de Cersei e restaurar sua dignidade como cavalheiro. Oathkeeper, quer dizer Mantenedor do Juramento, e diz respeito às promessas que tanto Brienne quanto Jaime fizeram ao longo de sua jornada.

E totalmente ao contrário da honra, tanto Littlefinger quanto Olenna Tyrell revelam seu envolvimento na morte de Joffrey e como cada um irá se beneficiar disso. Aproveitando a deixa, Margaery faz uma visita noturna para seu novo futuro noivo (podemos considerar que ela é a Gretchen de Westeros) e também entra no bolão de quem vai manipular o Rei Tommen.

O outro grande foco deste episódio são os preparativos da Night´s Watch para a eventual batalha contra as forças de Mance Rayder e as intrigas (afinal, tudo acaba em intriga em Westeros) entre Alliser Thorne e Jon Snow. Apesar da fama de traidor, Jon conquista o respeito e a camaradagem da Night´s Watch e isso se torna uma ameaça para Thorne, que tem desfrutado de sua posição como Comandante provisório. Para manter a postura confortável, ele escala Snow para caçar e capturar os membros da vigília que traíram o Comandante Mormont e se refugiaram em Craster´s Keep. Locke, o homem que decepou a mão de Jaime está entre os recrutas da Night´s Watch e aparenta se dar bem com Jon.

game_of_thrones_episodio_4_oathkeeper_4

Enquanto isso, em Craster´s Keep, os traidores desfrutam do estoque de bebida e comida que o Selvagem deixou e estupram sem misericórdia suas filhas/esposas,até encontrarem Bran Stark e seu grupo, que são capturados. Estes últimos acontecimentos, diferem consideravelmente dos acontecimentos do livro, o que para leitores é uma experiência interessante, visto que não podemos encher o saco de quem não leu com nossas expressões de ” já sabia”.

game_of_thrones_episodio_4_oathkeeper_2

Outro evento interessante que não é apresentado no livro, é o destino dos filhos de Craster, que fãs irão lembrar, quando nasce um menino, o selvagem deixava-os na floresta para um fim incerto. Este episódio, não só mostra o que acontece com as crianças, mas como apresenta uma visão única, não vista nos livros das cidades e rituais dos Outros, o inimigo misterioso que habita o gélido norte de Westeros.

game_of_thrones_episodio_4_oathkeeper_5

Ah! Daenreys finalmente conquista Mereen, Grey Worm aprende a ler e inexplicavelmente os escravos da cidade se rebelam contra seus mestres ao grafitar nas paredes em inglês, a linguagem que claramente ninguém em Mereen usa. Mas ei, Daenreys ensinou um escravo a ler, é o Governo Brasileiro trabalhando para você.

game_of_thrones_episodio_4_oathkeeper_6

 

Até a próxima!

Comente via Facebook!
Categorias
Críticas

Editor-chefe da Freakpop. Adora cinema, mas odeia a palavra cinéfilo. Leu quadrinhos demais na vida e tem uma capacidade muito limitada de entender a realidade. Tudo que não explica com Máquina Mortífera, explica com Highlander. Sabe tudo sobre Soul Reaver e Crônicas de Gelo e Fogo. Seu signo é estegossauro.

Relacionados