Guia Freakpop Star Wars – Parte 1 – Episódios I a III

Faltam poucos dias para a estreia de Star Wars: O Despertar da Força e a Freakpop preparou um super guia para todo mundo que não se lembra de tudo...

freakpop-star-wars-cobertura-the-force-awakens-header-01

Faltam poucos dias para a estreia de Star Wars: O Despertar da Força e a Freakpop preparou um super guia para todo mundo que não se lembra de tudo que aconteceu há muito tempo atrás em uma galáxia distante!

[divider]Star Wars Episódio I: A Ameaça Fantasma[/divider]

Star-Wars-Episódio-I-A-Ameaça-FantasmaAh, 1999, um ano mágico. Fãs da saga de cinema mais famosa de todos os tempos se coçavam de ansiedade na expectativa do novo filme: Star Wars Episódio I: A Ameaça Fantasma. Havia no ar a promessa de novas aventuras, revelações e se alguém heroicamente tinha ido até a Estação Tasche para comprar conversores de energia quando o Tio Owen proibiu o Luke…

A Ameaça Fantasma foi, para dizer sinceramente, uma decepção. Um filme com diálogos travados, uma história confusa que agregou pouco à trama geral da saga. O longa começa com Obi-Wan Kenobi, um padawan (estagiário) de Jedi, que acompanha seu mestre Qui-Gon Jinn para negociar um bloqueio comercial no planeta Naboo. A Federação de Comércio, uma organização poderosa, se rebela contra o Senado Galáctico e decide invadir o pequeno e pacífico planeta por causa de… motivos.

Os Jedi conseguem escapar do planeta com a Rainha Padmé Amidala, mas são obrigados a parar em Tatooine, a versão planetária de Itaquera, para fazer reparos na nave. No planeta desértico encontram um jovem escravo chamado Anakin Skywalker, extremamente poderoso na Força e extremamente questionável em sua capacidade de atuar. A galera chega na capital da Galáxia, Coruscant, onde acompanham o Senador de Naboo, Palpatine, em uma sessão de Senado…Sim, o longa troca as altas aventuras no espaço por discussão política.

Basicamente, Palpatine é um Sith que está gradualmente minando à credibilidade do Senado para ganhar cada vez mais poder. Com a ajuda da Rainha Amidala, o atual Chanceller Supremo é deposto e, já que o Senado não vai se meter no problema de Naboo, Amidala, os Jedi, Jar Jar Binks e Anakin voltam para o planeta para tentar derrotar por conta própria a Federação.

Qui-Gon morre nas mãos de Darth Maul, o agente Sith de Palpatine, Anakin se torna um padawan e os humanos e os Gungan de Naboo viram amiguinhos. A trilogia nova já começa super bem com um filme parado, sem protagonista e onde todos os alienígenas são caricaturas racistas de alguma etnia. Os Gungan são muito semelhantes a shows de menestréis de negros do começo do século 20. A Federação do Comércio, com seu exército industrializado e sua covardia, são representações preconceituosas dos japoneses na época da segunda guerra mundial e Watto é uma paródia descarada de cartoons anti-semitas. George Lucas pode ter sido responsável por inúmeras inovações no cinema, mas sua visão de mundo é mais velha que sua avó.

[divider]Star Wars Episódio II: Ataque dos Clones[/divider]

star-wars-episódio-ii-ataque-dos-clones

10 anos após a liberação de Naboo, o Senado enfrenta novos problemas, além da destruição ambiental causada pela Samarco. A Presidente Dilma e seu Vice correm risco de Impeachment, assim como os líderes da Câmara dos Deputados e Senado estarem envolvidos com diversas situações criminosas… sem contar a Petrobrás… Oops! Quer dizer, a Federação de Comércio foi o estopim para diversos planetas, insatisfeitos com a burocracia e ineficiência do Senado, unir forças para criar um Movimento Separatista.

Palpatine agora é o Chanceller Supremo e Amidala virou senadora… sim senhoras e senhores! Se tramitação política e atribuição de responsabilidades e poderes em um processo eleitoral democrático multi-étnico é o que você procura, Star Wars Episódio II: Ataque dos Clones é para você! Anakin agora é um padawan treinado por Obi-Wan e passou os últimos 10 anos apaixonado por Amidala. A Senadora tem feito muito barulho no Senado (política) e se tornou um alvo para assassinos que se inspiraram em vilões do Scooby Doo em suas tentativas de matá-la.

Preocupados com a vida de Amidala, os Jedi recomendam que ela volte para seu planeta secretamente e acompanhada de Anakin… por motivos. Em paralelo, Obi-Wan tenta descobrir a origem dos assassinos e termina em um planeta com uma fábrica de clones do famoso caçador de recompensas, Jango Fett.

Enquanto Kenobi corre pela galáxia perseguindo Fett, Anakin e Amidala se apaixonam enquanto rolam pelas pradarias de Naboo e conversam como dois robôs tentando imitar fala humana. Apesar do romance, Skywalker é assombrado por pesadelos proféticos que mostram a morte de sua mãe. Os pombinhos voltam a Tatooine e descobrem que ela foi capturada por Tusken Raiders… o povo das areias que grita que nem jumento.

Anakin encontra sua mãe morta, surta, mata todo mundo e começa seu declínio para o Lado Negro da Força®. Obi-Wan acaba sendo capturado no planeta-sede do Movimento Separatista e descobre que o líder deles é um Jedi que se converteu ao lado negro e que – porque o universo é mágico – se chama Conde Dooku. Dooku revela que por trás dos separatistas há um Mestre Sith conhecido como Darth Sidious que está manipulando os dois lados para uma guerra. Anakin e Amidala vão atrás de seu mestre, são capturados e resgatados pelos Jedi. Mesmo com uma quantidade obscena de ninjas de roupão com sabres de luz, o exército separatista é grande demais.

Por sorte, Mestre Yoda aparece com o exército de clones e o terceiro ato termina com uma grande cena de Playstation 3 com vários personagens sem nome ou personalidade se matando por um duração enorme de tempo. Yoda luta contra Dooku, Palpatine usa o arranca-rabo como desculpa para ganhar ainda mais poder no Senado e usa os clones para fundar o grande exército da República.

Anakin e Amidala se casam em segredo e Yoda, muito esperto diz “As Guerras Clônicas… começaram”. Não só ele batizou a briga antes de todo mundo, mas se ele tivesse dito isso no começo do filme, eram duas horas a menos de enrolação.

[divider]Star Wars Episódio III: A Vingança dos Sith[/divider]

star-wars-episodio-iii-a-vingança-dos-sith

 GUERRA! As Guerras Clônicas estão pegando fogo. Robôs e clones brigam em todos os cantos da galáxia e a conta de horas extras do departamento de computação gráfica é astronômica. Anakin Skywalker agora é um Cavaleiro Jedi e seu mestre Obi-Wan largou o visual Bee Gees. O Chanceller Palpatine foi sequestrado pelo General Grievous, o líder dos robôs do Movimento Separatista… porque, aparentemente, máquinas que foram programadas e não tem livre arbítrio ainda precisam de gerenciamento.

Anakin é extremamente poderoso, mas imprudente e emocional. Sabemos disso porque o ator insiste em fazer cara de criança que está sendo obrigada a comer vegetais. Ele e Palpatine se tornaram grandes amigos porque, aparentemente, muito tempo atrás em uma galáxia distante ninguém achava estranho que um senhor de 70 anos virasse BFF de um moleque de 20…

Os Jedi começam a suspeitar da influência Sith no Senado e Anakin confirma que Palpatine é Darth Sidious. Existe uma análise interessante que talvez os Jedi estejam fazendo isso, não por altruísmo mas porque eles tem medo de perder seu poder político no Senado. Isso seria uma abordagem interessante que explicaria que o declínio dos Jedi foi mais decadente do que épico, mas isso é deixado de lado porque Yoda é amigo dos Wookies e olha só! É o Chewbacca!

Desta vez, Pai Anakin de Ogum sonha que Amidala vai morrer dando luz a seu (s) filho (s). Em seu desespero, se junta a Palpatine no Lado Negro da Força® porque os Sith tem poderes muito mais maneiros. Muitos Jedi morrem, Obi-Wan e Anakin brigam no Mundo 7 do Super Mario, ele termina todo mutilado e queimado. Nascem dois Skywalkers, Luke e Leia. A filha é adotada pelo Senador Bail Organa e foge para Alderan. O filho vai morar com o irmão de Anakin em Tatooine.

Palpatine anuncia que a República se tornou o Império, Anakin ganha uma armadura preta maneira, Obi-Wan e Yoda são os únicos Jedi que sobreviveram e, magicamente, essa franquia vai ficar muito melhor nos próximos episódios!

Até a próxima!

Comente via Facebook!

Editor-chefe da Freakpop. Adora cinema, mas odeia a palavra cinéfilo. Leu quadrinhos demais na vida e tem uma capacidade muito limitada de entender a realidade. Tudo que não explica com Máquina Mortífera, explica com Highlander. Sabe tudo sobre Soul Reaver e Crônicas de Gelo e Fogo. Seu signo é estegossauro.

Categorias
EntrevistasFilmesOpinião

Ver também