Holy Avenger – Paladina é anunciado por Marcelo Cassaro

Holy Avenger, a famosa série brasileira de aventura medieval escrita por Marcelo Cassaro e desenhada por Erica Awano vai ter continuação. Segundo o Facebook do próprio Cassaro, a continuação,...

Holy Avenger, a famosa série brasileira de aventura medieval escrita por Marcelo Cassaro e desenhada por Erica Awano vai ter continuação. Segundo o Facebook do próprio Cassaro, a continuação, chamada  Holy Avenger – Paladina, se passará dez anos após os eventos de Holy Avenger.  A personagem principal, com diz o título, será a Paladina. A personagem começou como um mascote da famosa revista de RPG Dragão Brasil, onde ela respondia as cartas dos leitores (para os leitores mais novos, uma revista era uma espécie de site que você acessava no papel e carta era um tipo de SMS feito de árvores mortas).

1920988_836128713079436_1888379744_o

Ainda, de acordo com o roteirista, a nova série não será distribuída em bancas. O formato e a periodicidade ainda não estão definidas, porém tudo indica que o formato inicial será o digital, seguido de edições impressas reunindo diversos capítulos. Em breve, esperançosamente, teremos mais novidades.

Holy Avenger foi lançado inicialmente em 1999 pela Trama Editorial e teve ao todo 42 edições até encerrar publicações em 2003. Ainda pela mesma editora, foram lançadas diversas versões encadernadas. Em 2003, a editora Talismã publicou a A Arte de Holy Avenger e uma versão remasterizada da série, Holy Avenger VR. Em 2005, uma nova reedição, Holy Avenger Reloaded, foi lançado pela Mythos.

A última versão da série foi lançada pela Jambô Editora, que republicou a saga em formato de luxo em volumes no nome de Holy Avenger – Edição Definitiva. Com o primeiro volume lançado em 2012 e o segundo em 2013.

Holy Avenger fez muito sucesso na época com fãs de RPG e especialmente fãs de mangá, na época, haviam poucos exemplares no Brasil desta arte. As aventuras da druida Lisandra, do ladrão Galtran, da elfa Niele e do trog Tork pelo mundo de Arton cativaram uma geração de leitores e mostrou ao mundo que entre os quadrinhos brasileiros não se faz só Turma da Mônica. Pessoalmente, vosso redator está extremamente empolgado com a volta de uma das séries que mais marcou sua adolescência.

Até a próxima!

Comente via Facebook!

Editor-chefe da Freakpop. Adora cinema, mas odeia a palavra cinéfilo. Leu quadrinhos demais na vida e tem uma capacidade muito limitada de entender a realidade. Tudo que não explica com Máquina Mortífera, explica com Highlander. Sabe tudo sobre Soul Reaver e Crônicas de Gelo e Fogo. Seu signo é estegossauro.

Categorias
Games & HQ'sQuadrinhos

Ver também