jan Micheal Vincent nota de falecimento

In Memoriam – Jan-Michael Águia de Fogo Vincent (1944-2019)

E Hollywood perde mais uma grande estrela...

Morre aos 74 anos uma das jovens promessas de Hollywood

Jan-Michael Vincent era tido em Hollywood como o perfil para interpretar jovens rebeldes no cinema. Sua carreira começou quando fez uma  pequena participação na aventura infanto-juvenil dos The Hardy Boys, em 1967. No ano seguinte, entrava no elenco da série de aventura, A Ilha do Perigo, dentro do programa Banana Split Show, produzido pela Hanna Barbera.

Mas o destino desse jovem nascido em Denver, no Colorado, em 1944, parecida estar direcionado para o cinema. Em 1968, ele entrou no elenco Seis Não Regressaram, um faroeste estrelado por James Caan, onde começou a ser notado pelos produtores de Hollywood. E foi o que aconteceu após sua participação no clássico Jamais Foram Vencidos, produção estrelada por duas grandes estrelas de Hollywood, John Wayne e Rock Hudson.

Ainda usando o nome de Michael Vincente, o ator fez ainda participações em séries como Bonanza, Dan August, Persuaders, Gunsmoke, até entrar no elenco do filme que mudou sua carreira para sempre. Agora como Jan-Michael Vincent, ele interpretava o aprendiz de um assassino profissional feito por Charles Bronson, no filme de 1972, Assassino a Preço Fixo.

Jan-Michael continuou fazendo sucesso também na televisão durante a década de 70, fazendo participações em séries como Marcus Welby – Médico, Os Novos Centuriões, e até participou de uma produção dos estúdios Disney, O Maior Atleta do Mundo, feito em 1973. Nos anos seguintes, esteve em alguns sucessos de bilheteria como Inferno no Asfalto (1975), O Amor Não Vai à Guerra (1976), a ficção Herança Nuclear, de 1977.

Em 1978, Jan-Michael Vincent trabalhou num dos filmes considerados importantes para a história do surf californiano, Amargo Reencontro, escrito e dirigido por John Milius (Conan – O Bárbaro). No mesmo ano, ele trabalhou com Burt Reynolds, Hooper – O Homem das Mil Façanhas, sobre uma dupla de dublês competindo entre si para saber quem é o melhor.

Foi no final dos anos 70 que Jan-Michael começou a beber exageradamente, que o levava a constantes brigas e prisões. No começo dos anos 80, esteve na minissérie sobre a Segunda Guerra Mundial, The Wind of War, feita em 1983, mas inédita no Brasil. No ano seguinte, foi escolhido para interpretar Stringfellow Hanke, um exímio piloto americano que rouba o super-helicóptero Águia de Fogo, e começa a usá-lo em missões de resgate ao redor do mundo. O papel lhe deu a oportunidade de querer sair do alcoolismo, especialmente por ter se tornado o ator mais bem pago da televisão naquela época. Ele ganhava por episódio cerca de 200 mil dólares. Aqui no Brasil, Águia de Fogo foi exibida em 1986, pela Rede Globo, que estranhamente batizou a série com um nome que não tinha nada a ver com o original, Air Wolf – Lobo do Ar.

Sua carreira depois de Águia de Fogo começou a declinar, fazendo participações em filmes de baixo orçamento. Ficou mais complicada ainda quando sofreu um acidente de carro, que acabou prejudicando sua voz. Ainda assim, para não perder seu cache do filme The Last Kill, acabou trabalhando com o rosto todo machucado. O filme, aliás, só foi lançado em home vídeo.

Seu ultimo trabalho registrado foi em 2002, White Boy, produção assinada por Abel Ferrara, sobre guerra de gangues de traficantes em Los Angeles. Depois disso, Jan-Michael decidiu se retirar da profissão e se aposentar em sua fazenda no interior de Winsconsin. Em 2012, teve que amputar parte da perna direita por causa de uma infecção crônica nas artérias. Sempre que perguntado sobre o acidente que lhe tirou quase toda a voz, ele sempre repetia que nunca se lembrava de nada.

Uma pena que um talento como esse, que atuou ao lado de lendas do cinema como Charles, Bronson, Rock Hudson, George Peppard e John Wayner, tenha saído tão fora de seu destino inicial. Ele faleceu em fevereiro, vítima de um ataque cardíaco, mas sua morte só foi anunciada pela família essa semana.

Comente via Facebook!
Categorias
FilmesNotícias

Ver também