Triste notícia para fãs de Viagem ao Fundo do Mar e 007. O ator icônico David Hedison faleceu hoje. Veja um pouco da obra do ator no nosso In Memoriam.

In Memorian – David Hedison (1927 – 2019)

Triste notícia para fãs de Viagem ao Fundo do Mar e 007. O ator icônico David Hedison faleceu hoje. Veja um pouco da obra do ator no nosso In...

Ele havia feito algumas pequenas participações em séries de TV nos anos 50, ainda com o nome de Al Hedison, até ser escalado para um dos grandes clássicos da ficção científica de todos os tempos, A Mosca da Cabeça Branca, de 1958. Foi quando Albert David Hedison Junior ganhou notoriedade e começou a usar seu novo nome artístico, David Hedison.

Nascido numa pequena cidade de Rhode Island, David ficou fascinado com a ideia de ser ator ao assistir o clássico romântico Sangue e Areia, estrelado pelo trio Tyrone Power, Linda Darnell e Rita Hayworth. Curso Artes Cênicas na conceituada Brown University. Quando terminou o curso, mudou-se para Nova York onde cursou drama na HB Studio em Greenwich Village.  Foi aluno de Sanford Meisner na The Neighborhood Playhouse e também de Lee Strasberg, da lendária Actors Studio.

Atuou em várias produções off broadway e no clássico de guerra, Raposa do Mar (1957), estrelada por Robert Mitchum e Curt Jurgens. Esse filme fazia parte do contrato que fechara com a Fox, que lhe permitiu mostrar que era mais do que um rosto jovem e promissor, mas um ator de talento. Assim que fez A Mosca da Cabeça Branca, o produtor e diretor Irwin Allen o colocou no elenco de outra ficção, O Mundo Perdido, de 1960.

Paralelamente, David estava fazendo uma nova série de ação na TV, também pela Fox, chamada Contra-Espionagem (Five Fingers, 1959) que, curiosamente só chegou ao Brasil após a estreia em 66 de Viagem ao Fundo do Mar, onde o nome de David Hedison é lembrado até hoje como ícone da cultura pop, por interpretar o capitão do USS Seaview, Lee Crane.

Viagem ao Fundo do Mar

A série estreou três anos após o longa metragem produzido e dirigido por Irwin Allen, Viagem ao Fundo do Mar, com Walter Pigdeon, Barbara Eden (Jeannie é um Genio) e Robert Sterling no papel de Lee Crane. A história mostrava a aventura de um poderoso submarino nuclear com janelas frontais (Seaview) para impedir o fim do mundo. O papel do capitão Crane era para David, mas devido a outros compromissos no teatro e várias participações especiais em séries da Fox, ele acabou não aceitando o trabalho.

Melhor para Irwin que pode contar com o ator para a série, que mostrava a tripulação do Seaview enfrentando os mais diversos tipos de desafios submarinos, de espiões sabotadores até alienígenas e monstros marinhos. Foram quatro temporadas exibidas totalmente aqui no Brasil, mas infelizmente nunca disponibilizadas em mídia física.

Com o final de Viagem, David continuou trabalhando muito, incluindo uma passagem pelas telinhas britânicas, onde atuou em séries como O Santo, Enigma e BBC Play at the Month. Voltou para os Estados Unidos onde atuou em teatro e fez dezenas de participações especiais na televisão como em O Jogo Perigoso do Amor.

James Bond

Foi seu trabalho em Londres que abriu as portas para interpretar o agente da CIA, Felix Leitner, e amigo de James Bond no filme Com 007 Viva e Deixe Morrer, estrelado por Roger Moore. Ele voltou a viver Felix em 1989, em 007 – Permissão para Matar, com Timothy Dalton vivendo o agente britânico. O curioso é que os acontecimentos do personagem de Felix no filme, foram retratados no livro de Ian Flemming, Com 007 Viva e Deixe Morrer.

No cinema, esteve no épico A Maior Historia de Todos os Tempos (1965) e na ficção Megiddo (2001). Em 1980, se reencontrou com o amigo Roger Moore na produção britânica, Resgate Suicida, que também tinha no elenco Anthony Perkins e James Mason. Em sua carreira, David fez participações especiais em vários momentos importantes da TV como em Ilha da Fantasia, Duro na Queda, Perry Mason, As Panteras, O Barco do Amor, Assassinato por Escrito, O Poderoso Benson, Carro Comando, Casal 20, Carga Dupla, A Supermáquina. Dinastia e em seu spinoff, The Colbys, inédito no Brasil. Um de seus últimos trabalhos na TV foi na telenovela The Young and the Restless.

Segundo sua família, David partiu calmo e tranquilo durante a ultima noite. Certamente, seus fãs e amigo ainda lembrarão de seus melhores momentos na ponte de comando do Seaview, discutindo com o Almirante Nelson (Richard Basehart) a rota da próxima aventura… Todos as postos!!!

Este slideshow necessita de JavaScript.

Comente via Facebook!
Categorias
FilmesNotícias

Ver também