James Gunn é demitido da direção de Guardiões da Galáxia Vol. 3, segundo nota oficial do Walt Disney Studios

James Gunn perde o emprego por causa de piadas de 10 anos atrás

Cuidado com o que você posta nas redes sociais, James Gunn foi demitido de Guardiões da Galáxia Vol. 3 Pois é. James Gunn, diretor de Guardiões da Galáxia e...



Cuidado com o que você posta nas redes sociais, James Gunn foi demitido de Guardiões da Galáxia Vol. 3

Pois é. James Gunn, diretor de Guardiões da Galáxia e Guardiões da Galáxia Vol. 2 acaba de perder o cargo de diretor do terceiro filme da saga. A decisão do estúdio surgiu após tweets de 10 anos atrás do diretor foram expostos por comentaristas conservadores como retaliação aos comentários negativos que Gunn fez sobre o Presidente Trump.

Os tweets, datados entre 2009 e 2011 fazem piadas sobre estupro e pedofilia.

“Atitudes ofensivas e afirmações descobertas no Twitter de James são indefensáveis e inconsistentes com os valores de nosso estúdio, e nós cortamos relacionamentos profissionais com ele”, disse Alan Horn, Presidente do Conselho Administrativo do Walt Disney Studios.

Demissão de James Gunn

Antes de excluir seu perfil no Twitter, o diretor twitou, “Muitas pessoas que seguem minha carreira sabem que quando comecei, eu me via como um provocador, fazendo filmes e piadas que eram consideradas chocantes e tabu. Como já discuti publicamente muitas vezes, eu me desenvolvi como pessoa, assim como meu trabalho e senso de humor.”

Guardiões da Galáxia Vol. 3

Gunn estava escrevendo o roteiro de Guardiões da Galáxia Vol. 3 e o filme tinha previsão para iniciar produção em Atlanta no segundo semestre de 2018 para um lançamento previsto em 2020. Ambos os filmes anteriores da franquia estão entre os maiores sucessos da Marvel Studios com uma bilheteria cumulativa mundial de 1.6 bilhões de dólares.

O próprio Kevin Feige havia dito que pretendia trabalhar com Gunn em futuros projetos da Marvel após a conclusão da trilogia Guardiões. Ele era considerado uma peça chave na franquia, visto que ajudou a desenvolver o lado cósmico, tão importante para projetos recentes.

James Gunn comenta sua demissão

Após o anúncio oficial, Gunn divulgou sua resposta:

Minhas palavras de quase uma década atrás, eram, naquela época, tentativas totalmente fracassadas e infelizes de ser provocativo. Eu me arrependo disso há anos – não só porque eram idiotas, totalmente sem graça, insensíveis, e certamente não provocantes como havia esperado, mas também porque não refletem a pessoa que sou hoje ou já sou há um tempo.

James Gunn continuou,

Independente de quanto tempo passou, eu entendo e aceito as decisões de negócios tomadas hoje. Mesmo após todos estes anos, eu assumo total responsabilidade pela forma como me conduzi na época. Tudo que posso fazer agora, além de oferecer meu sincero arrependimento, é tentar ser o melhor humano que eu consigo ser: alguém que aceita, entende e se compromete com a igualidade, e muito mais atencioso sobre meus comentários públicos e minhas obrigações com o nosso discurso público atual. Para todos em minha indústria e além, eu ofereço minhas sinceras desculpas. Amor para todos.

 

Consequências exageradas?

O mundo do entretenimento tem abordado temas polêmicos e discussões polarizantes. Alguns casos, como o julgamento de Harvey Weinstein e os movimentos #MeToo e #TimesUp são mudanças cruciais e necessárias para uma indústria mais justa e menos perigosa. Porém, recriminar um diretor por algo que foi feito 10 anos atrás, completamente sem vítimas e que ele já se desculpou inúmeras vezes, e se mostrou como alguém que deixou esse tipo de comportamento para trás, no mínimo é preocupante.

Vale destacar que esta polêmica surgiu pela primeira vez em 2012 e na época o diretor já havia pedido desculpas e endereçado a situação.

O que vocês acham?

Até a próxima!



Comente via Facebook!

Editor-chefe da Freakpop. Adora cinema, mas odeia a palavra cinéfilo. Leu quadrinhos demais na vida e tem uma capacidade muito limitada de entender a realidade. Tudo que não explica com Máquina Mortífera, explica com Highlander. Sabe tudo sobre Soul Reaver e Crônicas de Gelo e Fogo. Seu signo é estegossauro.

Categorias
FilmesNotícias

Ver também