Veja aqui tudo o que aconteceu entre Blade Runner e Blade Runner 2049

Vamos navegar o universo de Blade Runner 2049 Blade Runner é considerado um dos mais icônicos filmes de ficção científica da história do cinema. A obra de Ridley Scott...
Blade Runner 2049

Vamos navegar o universo de Blade Runner 2049

Blade Runner é considerado um dos mais icônicos filmes de ficção científica da história do cinema. A obra de Ridley Scott foi extremamente inspiradora, tanto quanto Akira de Katsuhiro Otomo, com suas gigantescas cidades futuristas, publicidade opressora e uma sensação de humanidade chegando ao fim (tudo graças à extremamente influente Metal Hurlant francesa que inspirou ambos os criadores). Ainda este ano, teremos uma continuação do longa em Blade Runner 2049. Mas antes…

A história de Blade Runner

Em 2019, a humanidade faz uso de androides biorobóticos chamados Replicantes para realizar trabalhos perigosos em colônias fora do planeta. Após um violento motim, replicantes são proibidos de pisar na Terra. Quando um grupo secretamente consegue entrar no planeta, o ex-agente Rick Deckard (Harrison Ford) é recrutado para encontra-los e extermina-los.

O que tornou os replicantes seres fascinantes é a sua construção. Eles só vivem quatros anos para evitar que desenvolvam capacidades emocionais avançadas. Fisicamente é impossível distingui-los de humanos e somente com o teste Voight-Kampff é possível descobri-los. Para evitar que enlouqueçam, cada replicante é criado com memórias falsas para dar a sensação que estão vivos há mais tempo. A versão corte do diretor do filme (é uma longa história), cria um final ambíguo onde nunca fica claro se Deckard de fato é humano.

Os 30 anos entre Blade Runner e Blade Runner 2049

2018: Após um time de combate de replicantes Nexus 6 cometer um  motim em uma colônia espacial, os Replicantes são proibidos de entrar no planeta Terra.

2019: Eventos de Blade Runner, o Caçador de Androides

Blade Runner

2020: O fundador da Tyrell Corporation, Eldon Tyrell morre. A empresa começa a produzir uma nova linha de replicantes chamados Nexus 8 para uso nas colônias. Ao contrário dos modelos anteriores, o Nexus 8 não tem limite de quatro anos de vida e um implante ocular que facilita identificação.

2022 – O Apagão: Um pulso eletromagnético de origem desconhecida detona na Costa Oeste americana. As cidades permanecem sem energia por semanas. Informação eletrônicas é corrompida e destruída causando um colapso financeiro sem precedentes nos EUA. Logo, falta de comida começa a se tornar um problema sério. Muitas teorias surgem sobre o motivo do apagão, a mais popular culpa Replicantes.

2023 – Proibição de Replicantes: As autoridades criam uma legislação que proíbe fabricação de Replicantes. Os Nexus 6 são desativados devido ao seu tempo de vida de quatro anos, os Nexus 8 são exterminados. Alguns fogem e se escondem.

2025: Um cientista chamado Niander Wallace (Jared Leto) cria soluções pioneiras em alimentos geneticamente modificados e distribui suas patentes gratuitamente, efetivamente solucionando a crise global. Sua companhia, a Wallace Corporation E&C se torna uma super potência global e expande até mesmo para as colônias espaciais.

Blade Runner 2049

2028: Niander Wallace compra o que sobrou da falida Tyrell Corporation.

2030s: Wallace aprimora a engenharia genética da tecnologia Tyrell e os métodos de implantação de memória para criar Replicantes mais obedientes e controláveis.

2036: Proibição de Replicantes é revogada. Wallace reintroduz a tecnologia no mercado com uma nova linha de Replicantes aperfeiçoados, o Nexus 9.

2040: A polícia de Los Angeles investe recursos para aumentar a capacidade de sua unidade Blade Runner, incumbida de localizar Replicantes ilegais e extermina-los.

Mudanças globais causaram uma elevação no nível do mar. A população de Los Angeles se esconde por trás de uma gigantesca muralha que evita enchentes. Os mais afluentes abandonaram a Terra para viver em colônias no espaço. As pessoas que ficaram para trás vivem em uma cidade tóxica e cheia de pobreza. Todos sobrevivem com os alimentos modificados criados por Niander Wallace.

2036: Nexus Dawn

Até agora os trailers de Blade Runner 2049, foram pouco reveladores. Sabendo disso, o diretor Denis Villeneuve anunciou três curtas metragens feitos por diretores convidados para apresentar alguns eventos que foram descritos na linha do tempo.

O primeiro, divulgado com exclusividade pelo Collider, conta os eventos de 2036 quando Niander Wallace apresentou o modelo Nexus 9. O vídeo é bem interessante e temos que admitir que o personagem de Leto é intrigante. A direção fica por conta de Lucas Scott, filho de Ridley Scott (que adora criar estes curtas prequel para seus filmes).

Os outros curtas ainda não foram divulgados, mas tomara que tanto eles quanto Blade Runner 2049 mantenham essa pegada neo-noir perturbadora de Nexus Dawn.

2048: Nowhere to Run

O segundo curta divulgado mostra o personagem de Dave Bautista, Sapper Morton. Entendemos que o personagem é um replicante e está fugindo dos Blade Runners. Este filme também foi dirigido pelo filho de Ridley Scott, Luke Scott.

Black Out 2022

O curta final que antecede Blade Runner 2049 é o Black Out, o único dos filmes que foi animado. O vídeo foi dirigido por Shinichiro Watanabe, diretor consagrado responsável por Cowboy Bebop e Samurai Champloo. A trama conta os eventos por trás do misterioso apagão de 2022.

Black Out 2022 estreia com exclusividade no Crunchyroll, mas tem chances de ir para o YouTube oficial da Warner em breve como os demais vídeos.

Blade Runner 2049 estreia 5 de outubro no Brasil.

Até a próxima!

Comente via Facebook!

Editor-chefe da Freakpop. Adora cinema, mas odeia a palavra cinéfilo. Leu quadrinhos demais na vida e tem uma capacidade muito limitada de entender a realidade. Tudo que não explica com Máquina Mortífera, explica com Highlander. Sabe tudo sobre Soul Reaver e Crônicas de Gelo e Fogo. Seu signo é estegossauro.

Categorias
Notícias

Ver também